Imagens do Príncipe – Discurso normativo e representação (1525-49)

Imagens do Príncipe – Discurso normativo e representação (1525-49)

Ana Isabel Buescu

  • €15,00
    Preço unitário por 
Imposto incluído.


Sinopse:

Na indiscutível multiplicação, a partir da época medieval, de um discurso sobre o príncipe e a realeza, assume destaque particular o género dos espelhos de príncipes, constituído por uma vasta literatura de carácter político, moral e pedagógico que pretende estabelecer a «constelação» de virtudes necessárias ao ofício de rei, e fixar a imagem do perfeito governante. A sua primeira formulação pode fazer-se remontar à Antiguidade Clássica, embora tenha sido na Idade Média que o género veio a ser decisivamente fixado, configurando uma longuíssima fortuna que se prolongou pelos séculos XVI e XVII.
O incremento deste discurso na Europa Moderna deve ser visto no quadro de um conjunto de dispositivos de vária ordem – ritos e cerimónias, iconografia, simbólica, emblemática – que convergem para a afirmação ideológica da realeza, através de um protagonismo cada vez mais incontornável do soberano. A evolução política no sentido do absolutismo régio articula-se com uma progressiva importância e complexidade dos vários suportes ideológicos da monarquia, nos quais o discurso normativo, encomiástico ou de celebração do soberano tem uma relevância indiscutível.
Também em Portugal a manifestação desta literatura política assume uma expressão significativa, nomeadamente no século XVI, patente no assinalável número de obras que, embora de forma heterogénea e diversificada, reflectem a função ideológica conferida à constituição de um discurso sobre o príncipe e a monarquia. A sua importância tem, aliás, de ser reavaliada, já que encontramos certos textos – nalguns casos inéditos – que não foram até hoje considerados e que constituem, sem dúvida, casos cimeiros desta «pedagogia especular» em Portugal no século XVI, bem como de certas práticas e comportamentos cortesãos.
Esta obra trata-se da versão publicada dissertação de doutoramento da autora, em História, apresentada à Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa em 1994, orientada pelo Prof. Doutor José Esteves Pereira e pelo Prof. Doutor António Manuel Hespanha.

1ª Edição – 12/1996 – Portugal

Editora: Edições Cosmos

Páginas: 440

Estado: Bom

Notas adicionais: Capa exterior com marcas de uso nas extremidades e alguns sinais de antiguidade.


Também Recomendamos

A Gata e a Fábula

A Gata e a Fábula

Fernanda Botelho

Preço normal €14,00
La Coca

La Coca

José Rentes de Carvalho

Preço normal €8,00
A Minha Europa

A Minha Europa

Maria Filomena Mónica

Preço normal €11,00
Uma Terra Chamada Liberdade

Uma Terra Chamada Liberdade

Ken Follett

Preço normal €14,00
Verão Quente

Verão Quente

Domingos Amaral

Preço normal €9,00